Nossos membros Rafael Vareto e Araceli Saldanha estarão presentes na ICASSP 2020

The SWAX Benchmark: Attacking Biometric Systems with Wax Figures.

A ICASSP (International Conference on Acoustics, Speech, and Signal Processing) é a maior e mais abrangente conferência técnica do mundo, focada no processamento de sinais e suas aplicações. A conferência de 2020 contará com apresentações de classe mundial por palestrantes de renome internacional, tópicos de sessão de ponta e proporcionará uma fantástica oportunidade de interagir com profissionais com ideias semelhantes de todo o mundo.

Neste trabalho eles apresentam um novo banco de dados chamado Sense Wax Attack dataset (SWAX), composto por imagens e vídeos reais de figuras humanas e de cera que endossam o problema da detecção de falsificação de rosto.

 

Na última década, os sistemas biométricos têm sido amplamente empregados no reconhecimento de seres humanos. Essas técnicas visam reconhecer os indivíduos, levando em consideração seus aspectos comportamentais e observáveis.

Infelizmente, as tecnologias biométricas são constantemente suscetíveis a ataques maliciosos e podem ser expostas a mecanismos de trapaça emergentes de alta qualidade, exigindo que a pesquisa persista com a concepção de novas abordagens e bancos de dados anti-impostura.

Com o rosto humano se tornando a biometria de autenticação “universal”, principalmente devido à crescente distribuição de fotos pessoais nas redes sociais e à disseminação de câmeras de vigilância, a maioria dos ataques (falsificação) compreende fotos faciais de usuários registrados em sistemas de reconhecimento.

Uma situação peculiar ocorreu na China há alguns anos, quando um grupo de golpistas posou com figuras de cera de executivos importantes para atrair cerca de 600 mil investidores e desviar quase 500 milhões de dólares (Fonte: https://www.scmp.com/article/996465 / empresas-cera-scam-faz-manequins-fora-investidores).

A situação poderia ter sido evitada se houvesse bancos de dados e algoritmos robustos que levassem em conta a detecção de ataques de falsificação baseados em cera.

Com isso em mente, foi proposto um banco de dados composto por imagens e vídeos reais de figuras humanas e de cera, com o objetivo de alavancar o problema da detecção de falsificação de rosto. O objetivo não é apenas fornecer uma nova referência de falsificação, especificando protocolos de conjunto de dados e requisitos de uso, mas também possibilitar o desenvolvimento de sistemas anti-falsificação mais robustos, com a antecipação de ataques de retrato imprevisíveis à base de cera.

O conjunto de dados Sense Wax Attack (SWAX) foi projetado para investigar o problema em que uma mídia de face é apresentada a um sistema que deve determinar se categoriza uma amostra de ataque autêntico ou de spoof.

Currículo dos pesquisadores

Rafael Henrique Vareto

Araceli Marcia Saldanha